Pin It

Quer Saber Como Gerar Toneladas de Tráfego e Vendas na Internet Todos os Dias?

Cadastre o seu melhor e-mail!

Como Ser Freelancer Na Internet

Você quer trabalhar como freelancer mas ainda não entende como funciona e se ser freelancer é mesmo para você?

Então se liga! Leia este artigo até o final, porque está recheadíssimo de super dicas sobre como trabalhar como freelancer.

 

O que é um freelancer

Freelancer é o profissional independente que trabalha sem qualquer vínculo empregatício com qualquer empresa.  Este poderá trabalhar para diversas empresas que quiser simultaneamente, a partir de casa ou de onde quiser.

 

Freelancer: Vantagens e Desvantagens

 

Pontos positivos

  • O freelancer tem horário flexível e poderá trabalhar na hora que quiser, desde que obedeça os prazos de entregas dos serviços solicitados.
  • Trabalhar onde quiser
  • Trabalhar com projetos (jobs) que mais gosta de trabalhar. Isto poderá ser um pouco mais difícil inicialmente, pois você deverá pegar o que sair na frente, dentro de suas especializações, claro.
  • Aprendizado

 

Pontos negativos

  • Instabilidade: os valores recebidos podem ser variados, de acordo com o quanto você trabalhar.

Provavelmente, no início, você terá de se desdobrar um pouco mais para gerar uma boa reputação e passar a ter mais trabalhos mais longos e que pagam mais.

Até lá não largue o seu emprego registrado em carteira para trabalhar apenas online como freelancer. Você poderá ficar frustrado!

 

O que um freelancer pode fazer?

O mercado da internet é bem amplo. Então um freelancer poderá atuar fazendo o que mais tem habilidade. Eis alguns exemplos de serviços:

 

  • Criação de logotipos
  • Criação de artigos
  • Criação de ebooks
  • Criação de sites
  • Traduções
  • Desenhos
  • Vinhetas
  • Sequencia de E-mail marketing

 

Como começar como freelancer?

Não se trata apenas de dizer: “Quero ser um freelancer!” e acabou! Você deve analisar a situação como um todo, desde a possibilidade de você continuar no seu trabalho CLT, até o que você irá fazer e o que e como fará para ter estabilidade na profissão.

Então vamos a algumas dicas!

 

Defina o que você quer  vender:

Não adianta querer “abraçar o mundo com as pernas. Antes se apresentar para os seus possíveis clientes, escolha qual o principal serviço que você vai prestar. Ex: escrita de artigos, tradução, sites, logotipos, etc.

O ideal é que você escolha o que sabe fazer melhor , sem precisar escolher tudo para não se enrolar lá na frente.

 

Plataformas

Existem plataformas específicas para freelancers e é muito importante que você procure saber ao máximo sobre quais são as melhores e como funcionam.

Separei algumas aqui:

 

Up work

É uma das maiores plataformas de freelancers do mundo, o que abre muitas oportunidades de trabalhos.

Pontos negativos: taxa da plataforma é muito cara: 20%

A plataforma é em inglês! Se você não manja da língua inglesa, isto poderá ser um problemão para você. Até porque a maior parte de trabalhos solicitados serão em inglês.

 

Freelancer.com

A maior plataforma de freelancers do mundo.

Taxa da plataforma: 10%

Além da versão inglesa, conta também com a versão em português do Brasil.

Os trabalhos indicados de acordo com a língua escolhida.

 

Pontos Negativos

Limite de oito candidaturas por mês no site em trabalhos ofertados, o que é muito pouco!

 

99 freelas

Site brasileiro

Taxas 10% + 40 centavos por cada trabalho que você recebe

Lingua portuguesa (claro!)

 

Como se vender como freelancer?

Agora vamos falar sobre o seu “currículo”! E, aqui você precisa ter muita cautela. Não saia preenchendo as informações do seu perfil de qualquer maneira.

Vamos a mais algumas dicas que também poderão ajudá-lo na hora da criação de perfil.

 

Criação de perfil

Capriche na hora de preencher o seu perfil, pois ele é o seu currículo, o seu cartão, a sua porta de entrada! Isto porque as pessoas lerão seu perfil, suas atribuições e especializações, serviços realizados, seus projetos, etc.

Geralmente os campos do perfil são comuns nas diversas plataformas de freelancer.

Titulo: Coloque o que você escolheu para vender

Ex.: Você resolveu que vai fazer traduções, então faça um tipo de título chamativo , mas simples , deixando claro que você é um tradutor, usando também a palavra chave principal relacionada ao seu serviço.

O seu título não deve ser muito curto nem um textão. Use o bom senso neste momento!

 

Descrição

Destaque primeiramente os principais pontos usando marcadores, depois fale um pouquinho mais, mas sem exagerar. Afinal o solicitador do trabalho lerá sua apresentação somente por alguns segundos.

Então tente convencê-lo da melhor maneira possível. Vamos usar o exemplo do tradutor.

Seja simples, sucinto, claro e objetivo. Não dê voltas ao mundo e não conte história que não podem agregar nada de bom ao seu currículo.

Você poderá destacar os pontos que considera mais importantes e por fim, vender um pouco mais o seu peixe, sem exagerar no textão!

Ex.:

  • Inglês e Alemão fluente
  • Tradutor desde 2008
  • Tradução de ebooks
  • Tradução da língua XYZ Para ABC
  • Tradução da língua HHRT para DEF

 

“Sou tradutor há mais de tantos anos, formado na faculdade de Harvard, participei de projetos como XYZ, fazendo traduções simultâneas e ….”

 

Percebe que ficou muito mais fácil de ler? Ou seja, a pessoa que quer um serviço fará uma leitura de maneira muto mais fácil e rápida do seu perfil. Sem contar que isto também já conta como um ponto positivo para que você seja escolhido.

Dica: Observe o que os melhores freelancers fazem na descrição e tente fazer algo parecido. Nem preciso dizer que você não deve colar o perfil do outro, né?

 

Foto

A fotografia escolhida para o seu perfil também merece uma atenção especial. Pensa que não, mas aquela história de que a primeira impressão é a que fica também funciona para fotos!

Então, coloque uma foto que mostre o quanto você é profissional. Afinal, você está em um ambiente super competitivo e deve fazer de tudo para que sobressaia na frente de seus competidores.

Então, nada de fotos com roupas de banho, na piscina, praia, de camisola ou pijama, descabelado, etc.

Usar logotipo da sua empresa no lugar da sua foto não é tão indicado, a não ser que você só venda logos e acha ser esta a melhor estratégia.

Ainda acho que a foto aproxima mais as pessoas, passa mais confiança e a pessoa que está contratanto sabe quem é a pessoa que está por trás daquele determinado trabalho. Então muito cuidado! Use o bom senso!

 

Portifólio

No seu portifólio estão as provas dos seus  trabalhos realizados, coloque os artigos que você já traduziu, ou links dos sites, etc.

 

Procurando o primeiro trabalho como freelancer

Você já se cadastrou na plataforma que escolheu e já deixou seu perfil lindo e maravilhoso. Agora é hora de procurar o primeiro trabalho.

Porém, se você está iniciando agora como freelancer você poderá ter um pouco de dificuldades. Visto que quem procura um freelancer também avalia sua reputação, e prefere contratar o serviço de quem já tá bem colocado na plataforma. Mas vamos a uma dica para que você drible logo este problema.

Dica 1

Se você não tem reputação você pode iniciar pegando pequenos serviços que pagam valores baixos e que são mais curtos. Ex. Pequenas traduções de até 400 palavras, tradução de um portifólio, etc.

Isto para gerar avaliações e ganhar reputação na plataforma e subindo de posição gradualmente.

Dica 2

Procure Jobs de empregadores que não querem pagar muito caro e que possam ser concluídos a curto prazo.

Candidatura

Na hora de se candidatar, informe um valor dentro do orçamento do empregador. Você poderá cobrar de 10% a 30% (no máximo) a menos, se quiser. Não jogue um valor tão baixo para não gerar dúvida no empregador e você acabar dançando.

Cover Letter

Aqui é onde você vai vender o seu peixe. É um campo bem parecido na descrição. Mas aqui você faz uma apresentação mais pessoal para o empregador. Por exemplo, o empregador quer uma tradução de ebook sobre emagrecimento.

O freelancer usará o cover letter para uma conversa mais pessoal, mais específica e personalizada para aquela determinada vaga.

Por exemplo:

“Olá fulano, eu sou especialista em traduções de ebooks relacionados a emagrecimento. Já traduzi tantos nas últimas semanas.

Para o seu projeto estimo um prazo de tempo de x dias para entrega.

Veja exemplos de meus trabalhos aqui:

www.coloqueumdoslinksdeseustrabalhoaqui

www.outrotrabalhoaqui

www.outtroaqui

Estou a disposição, caso tenha alguma dúvida.

 

Ultimas dicas!

  • Seja determinado e não desanime, às vezes o contratante abre um job mas acaba desistindo sem contratar ninguém! Isto poderá ser muito frustrante.
  • Inscreva-se em várias vagas interessantes
  • Tenha paciência!
  • Aperfeiçoe-se busque conhecimento

 

Gostou deste artigo? Então deixe seu like! 😉

 

Leia também:

👉 Trabalhar Como Assistente Virtual (ou Secretaria Remota): Como Funciona?

 

Summary
Review Date
Reviewed Item
Como Ser Um Freelancer na Internet
Author Rating
51star1star1star1star1star
 

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixar uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.